Você Sabia?

A Costa do Marfim é o maior produtor mundial de cacau, responsável por cerca de 40% da produção mundial do fruto, mas o consumo de chocolate por lá é pequeno. Na Bélgica, maior produtor de chocolate do mundo, o consumo é de 7Kg por ano, e a maior parte da produção é exportada.

Páscoa



A Nobless Cacau apresenta sua linha de produtos especialmente preparados para a Páscoa. Confira!

A História do Chocolate

Há alguns séculos atrás, na América Central, mais precisamente onde hoje ficam os territórios do México e da Guatemala, vivia a civilização asteca, que cultuava o deus Quetzalcoatl, personificação da sabedoria e do conhecimento. Os astecas acreditavam que Quetzalcoatl trouxera do céu para o povo as sementes de cacau, e celebravam as colheitas com rituais cruéis de sacrifícios humanos, oferecendo às vítimas taças de chocolate. Um dia, Quetzalcoatl ficou velho e decidiu abandonar os astecas. Partiu em uma jangada de serpentes para o seu lugar de origem - a Terra do Ouro. Antes de partir, porém, ele prometeu voltar no ano de "um cunho", que ocorria uma vez a cada ciclo de 52 anos no calendário que ele mesmo criara para os astecas.

O explorador espanhol Fernão Cortez desembarcou com seus soldados no México, para conquistá-lo, em 1519 - ano que correspondia a "um cunho" no calendário asteca. Por isso, foi confundido com a reencarnação do deus Quetzalcoatl, e recebido pacificamente pelo imperador Montezuma. Cortez provou a bebida feita do cacau, chamada "tchocolath", que era amarga e apimentada, geralmente misturada a vinho ou com purê de milho fermentado, e levou o chocolate para a Europa, onde a bebida ganhou prestígio e Cortez, muito dinheiro.

No século 17, as casas de chocolate eram pontos de encontro requintados em todo o continente. Inicialmente instaladas em Londres, logo se espalharam por vários países europeus, que começaram a popularizar a bebida. A partir daí, as inovações com o chocolate não pararam de acontecer: chocolate em pó, manteiga de cacau, chocolate comestível, chocolate com avelãs e ao leite... Diversas pessoas e indústrias contribuíram com algum aprimoramento para tornar o chocolate ainda mais saboroso.

 
© Copyright 1995-2006 Nobless Cacau Chocolataria